Artigos Sobre

Artigos Sobre
Como escolher a relva Curiosidades sobre relva Decoração de exterior Grama brasileira Infos Relva Artificial Infos Relva Natural Instalação do relvado Jardins Manutenção do relvado Plantas Problemas no relvado Relva artificial Relva e animais domésticos Relva natural Sebes naturais Tendências Varandas e terraços

Produtos Mais Vendidos

Grass FOOD (adubo) - grass4you
Grama Brasileira - grass4you

Grama Brasileira

€80.00

Grass FOOD (adubos) - grass4you
Grass REPAIR (mistura de sementes)

Existem muitas vantagens e razões para escolher relva artificial, no entanto, não é o recomendado para todas as situações. De modo a ter toda a informação necessária à sua tomada de decisão enumeramos os dez principais problemas com relva artificial e como solucioná-los.

 

1. Custo

    Provavelmente um dos principais problemas da relva artificial - esta tem um valor superior à relva natural, e a sua instalação pode ser dispendiosa, independentemente do “bom negócio” que consiga. Os custos a considerar incluem remoção do relvado antigo, preparação do terreno, a aquisição da relva artificial e materiais necessários e os custos de mão-de-obra.

     

    SOLUÇÃO:

    Certifique-se de que está a comprar a quantidade certa de relva para a sua área, quanto mais preciso for nas medições, menor será o desperdício, reduzindo assim os custos. Também pode ser útil encontrar um instalador que realize o trabalho por completo e uma vez que está a fazer um investimento, certifique-se que escolhe um produto de qualidade de modo a evitar futuros gastos.

     relva artificial

     

     

    2. Suavidade:

    Não é tão suave como pensava! Existem muitas variedades de relva artificial, e cada tipo é projetado para um uso específico, com qualidades e propriedades que refletem esse uso. Pode magoar-se se cair enquanto pratica desporto ou corre com um cachorro, especialmente se a relva escolhida não corresponder aos requisitos certos. Os abrasões da pele são possíveis, e é importante considerar este problema com a relva artificial ao instalar em escolas ou parques infantis.

     

    SOLUÇÃO:

    Saber exatamente o uso que lhe quer dar. Certifique-se que tem acesso às amostras, sendo que muitas empresas as disponibilizam de forma gratuita. A maioria das empresas recomenda qual é o tipo de relva adequado para as suas necessidades, no entanto, as amostras garantirão que obtém o que deseja, e isso significa que pode, desde logo, sentir se a relva é macia ou não antes de a comprar!

     

     

    3. Aquecimento da superfície

    A relva artificial retém muito mais calor do que a relva natural. Por causa disso, e porque não contribui para uma diminuição significativa da temperatura ambiental como a relva natural, o ar ao redor dos relvados artificiais pode ficar mais quente. Além disso, quando estiver descalço na relva artificial, vai sentir a superfície quente ao toque nos meses de maior calor!

     

    SOLUÇÃO:

    Procure uma relva artificial que tenha propriedades especiais, retenção de humidade por exemplo ou escolha um modelo com uma fibra de cor mais clara, que tenha maior capacidade de refração da luz solar. Verifique se o preenchimento usado no seu relvado artificial não aumenta a temperatura da superfície - caso dos preenchimentos com borracha ou plástico preto ao invés de areia sílica.

     

     relva artificial piscina

     

     

     4. Ervas daninhas

    Um dos grandes benefícios de instalar relva artificial é não ter que se preocupar com o aparecimento de ervas daninhas. No entanto, algumas ervas daninhas mais resistentes ainda podem crescer debaixo do seu relvado. Esquecer-se ou optar por não instalar uma manta anti ervas pode significar custos acrescidos pois estas conseguem, por vezes, até romper o tapete de relva artificial.

     

    SOLUÇÃO:

    Certifique-se que na instalação da relva artificial, esteja contemplado a aplicação de uma manta anti ervas e que esta é instalada corretamente (com sobreposições), o que irá impedir o aparecimento de ervas daninhas no seu relvado.

     

     

    5. Manutenção

    Sim, a relva artificial também precisa de manutenção! Embora tenha significativamente menos manutenção do que um relvado natural, precisa de cuidar do seu relvado, especialmente se quiser que ele permaneça perfeito por muitos anos. Manter o seu relvado livre de contaminações também é de grande importância, pois determinadas matérias não são necessariamente removidas naturalmente.

     

    SOLUÇÃO:

    Varrer a relva e lavar os detritos é uma obrigação. Se tem animais de estimação, limpe a urina e as fezes deles o mais rápido possível para evitar o acumular de odores. Remova as manchas antes que elas se tornem um problema, e as outras tarefas de baixa manutenção, também não devem ser esquecidas.

     

     

    6. Drenagem

    Problemas de drenagem são um dos piores problemas quando falamos de relva artificial. Um relvado com pouca drenagem acumula água nos espaços mais inconvenientes com a consequente formação de poças. Se não for tido em conta na preparação do terreno, terá um problema que no futuro poderá custar muito dinheiro e que inclusivamente pode levar à remoção de todo o relvado.

     

    SOLUÇÃO:

    Uma boa base, sólida e compacta garantirá que a drenagem não seja um problema. Esta irá manter tudo no sítio certo, impedindo que a relva abata em determinados pontos evitando assim todos os outros problemas que acompanham o abatimento de terras.

     

     

     7. Levantamento das bordas

    Se a relva artificial não for instalada corretamente ou as bordas não estiverem fixas ao solo, pode acontecer que estas comecem a levantar. Isso não arruinará apenas a aparência do seu relvado, mas também cria outros riscos, nomeadamente o de tropeçar.

     

    SOLUÇÃO:

    Certifique-se de que os instaladores utilizam fixações adequadas e robustas e que garantam alguma durabilidade. A instalação de separadores pode contribuir para uma transição mais suave entre o relvado e um outro tipo de pavimento.

    A fixação da relva em todo o seu perímetro utilizando ganchos de fixação ou outro acessório indicado para o efeito (prego, parafuso, etc.), protege a sua relva contra o levantamento provocado por ventos ou por uso. Para uma excelente fixação e conforto, poderá ainda aplicar areia sílica fina em toda a superfície.

     

    DICA:

    Nunca corte as bordas antes de terminar as juntas. Se o fez, talvez tenha de mover o relvado e, portanto, pode não ter relva com o novo ajuste.

     

     relva artificial

     

     

     8. Materiais

    Não é segredo nenhum que a relva artificial é feita de plástico. No entanto, o impacto ambiental da relva artificial ainda é um debate aceso.

     

    SOLUÇÃO:

    Faça a sua pesquisa! Veja como a relva artificial é (ou não é) ecologicamente correta, leia muitas e credíveis fontes e tome a decisão por si mesmo.

     

     

    9. Juntas visíveis

    A estética é uma das razões pelas quais as pessoas escolhem relva artificial. Uma linha numa junta que percorre todo o relvado é a última coisa que gostamos de ver. As linhas de juntas são causadas pela luz refletida nas lâminas da relva que são empurradas uma conta as outras nas juntas. Tentar corrigir esse erro numa etapa posterior geralmente paga-se muito caro.

     

    SOLUÇÃO:

    Contrate um instalador que tenha vários anos de experiência! Quer ter certeza de que o técnico que instala a sua nova relva artificial sabe o que está a fazer.

     

    DICA:

    Quando numa instalação de relva artificial são utilizadas diferentes peças ou rolos de material, é necessário fazer juntas, juntando perfeitamente cada uma das peças. Para fazer isto:

    • Corte o relvado de forma limpa e com arestas retas para facilitar a junção das peças. Utilize ferramentas que lhe permitam fazer cortes retos e mantenha sempre a lâmina afiada.
    • Coloque as peças a juntar à mesma distância, tendo em conta a linha de pontos como medida. Junta-se as duas maiores peças de relva sempre em primeiro lugar, e continua a unir-se por ordem de tamanho.
    • Execute primeiro todas as juntas paralelas e, em seguida, se houver cruzes ou horizontais. Isto garantirá que a sua instalação é uniforme e as peças estão alinhadas, de modo que as juntas sejam difíceis de ver.
    • Se o fizer corretamente, as juntas desaparecerão da vista quando escovar os fios e encher o relvado com algum material, como sílica. Se, no entanto, alguma junta a saltar muito à vista, antes de colocar qualquer enchimento, pode sempre voltar a juntá-las.
    • Utilize sempre materiais adequados para esta junção. Isto ajudará a evitar o aparecimento de ervas daninhas nas juntas e, além disso, proporcionará uma estabilidade horizontal às juntas. Recomendamos a utilização de colas de poliuretano.
    • Por vezes, o tempo frio ou húmido pode causar alguma resistência com as colas ou fitas adesivas, em alternativa pode usar fixações em forma de U. Para um jardim normal, pode utilizar pregos revestidos de 9 cm, pregados a cada 10-15 cm para cada lado da linha da junta. Também pode usar estas fixações para ancorar o perímetro. Em declives superiores a 5-10 graus, use fixações maiores.

     

     

    10. Garantia

    Empresas menos experientes poderão não oferecer garantias. Se tiver um problema com a sua relva artificial, não ter garantia pode custar muito dinheiro e dar-lhe muitas chatices!

     

    SOLUÇÃO:

    Procure uma empresa experiente, que ofereça garantia do produto e do processo de instalação. Note, no entanto, que as garantias são limitadas e dadas a defeitos de fabrico, e na maior parte dos casos, se não em todos, a empresa que fez a instalação do seu relvado só poderá dar garantia do mesmo se todo o trabalho for realizado por ela, isto é, a camada drenante (preparação do terreno) e a aplicação da relva.

     

    Nem toda a relva artificial é produzida da mesma forma, e este é provavelmente o fator mais importante a considerar ao pesar os prós e contras da relva artificial. Escolher a relva adequada ao seu caso deve ser a prioridade número um. Então, uma vez instalado, pode e deve usufruir do seu novo relvado! Os problemas que listamos têm todos soluções, portanto, pode e deve apreciar plenamente o seu novo e fabuloso relvado artificial por muitos anos.

     

     

     

     

    Deixe um comentário

    Tenha em consideração que os comentários precisam de ser aprovados antes de serem exibidos.