COMPOSTAGEM: Porque deve fazer, como fazer e como utilizar.

compostagem_solo_jardim

Embora a jardinagem sustentável não seja novidade, estamos felizes por ver que é um movimento que continua a ganhar força. Nos últimos anos, podemos observar  jardineiros escolherem métodos naturais de controle de pragas e tomar medidas para apoiar os polinizadores locais (abelhas, borboletas,...). Outra alternativa para cultivar de maneira sustentável é através da compostagem.

A compostagem é um tema que está na ordem do dia, reciclar lixo (orgânico) e transformá-lo em solo é algo que se tornou obrigatório em quem gosta de jardinar e tem preocupações ambientais.

A compostagem é um processo natural que consiste na decomposição da matéria orgânica (restos de folhas, comida, madeira triturada, etc.) que, depois de decomposta, origina um produto a que normalmente se chama composto. Este é muito rico em nutrientes e matéria orgânica e pode ser utilizado como substrato e fertilizante orgânico.

Aqui estão algumas das RAZÕES pelas quais a compostagem é cada vez mais utilizada:

  • Reduz a sua pegada de carbono.
  • Fornece às suas plantas os nutrientes de que precisam.
  • Aumenta a fertilidade do solo do seu jardim.
  • Pode ser feito em áreas grandes ou pequenas.

compostagem_jardinagem sustentável

Hoje em dia, existe já uma grande oferta de compostores, desde os de grandes dimensões aos mais pequenos que pode utilizar dentro de casa. Pode ainda optar por construí-lo. Se escolher a segunda opção, e pretender utilizar o composto na sua horta, lembre-se de que o tamanho deve ser de 0,5m3 (500l) para dar para o ano inteiro.

Quem tem um jardim, sabe que as tarefas para o manter sempre impecável, resultam numa enorme quantidade de resíduos verdes, nomeadamente o aparar a relva, arrancar as ervas daninhas, etc...

Estes resíduos podem e devem ser reaproveitados de uma forma natural, onde a compostagem é uma técnica muito útil que irá permitir utilizar os resíduos provenientes da cozinha e jardim e transformá-los em matéria orgânica que trará as seguintes VANTAGENS para o solo:

  • Proporciona um crescimento mais saudável para as plantas.
  • Estimula o crescimento das raízes.
  • Melhora a fertilidade com a adição de nutrientes.
  • Aumenta a capacidade de infiltração da água no solo. Em solos leves ou arenosos, aumenta a capacidade de retenção de água no solo e a disponibilidade da mesma para as plantas.
  • Mantém a temperatura e o pH do solo.
  • Ativa a vida dos “bons” microorganismos do solo.
  • Reduz o aparecimento de infestantes.
  • Reduz a utilização de herbicidas.
  • É eco-friendly, pois recicla residuos orgânicos.

compostagem_jardinagem sustentável

Mas o que precisa de saber para FAZER o seu composto?

Primeiro tem de saber o que pode utilizar.

De um modo geral, quase todo o material com origem vegetal pode ser utilizado. Este é o caso dos resíduos de jardim, de cozinha, papel e cartão. Para uma boa compostagem, será necessária uma mistura de material lenhoso, rico em carbono, como as aparas das podas, lascas de madeira, entre outros e material mais leve, rico em nitrogénio, como as aparas do corte do relvado, folhas e resíduos da cozinha (apenas restos de vegetais e frutas).

E o que não deve utilizar: resíduos vegetais doentes, fezes de animais, aparas vegetais tratadas com herbicida (porque este pode persistir no composto), carne, peixe e restos cozinhados, papel e cartão com filme plástico incorporado.

E para o MANTER, existem três tarefas que deverá dar particular atenção:

  • Arejar, revolvendo o material em decomposição.
  • Cobrir o compostor para evitar o excesso de água proveniente da chuva.
  • Colocar o compostor num local que receba sol a maior parte do dia e que permita o acesso aos organismos do solo.

O tempo de compostagem varia usualmente entre 6 a 12 meses.

Pode UTILIZAR, quando estiver pronto, como:

  • Substrato para utilizar em vasos (mistura em partes iguais partes de composto, solo superficial e areia grossa).
  • Incorpore no solo numa profundidade de 5 a 10 cm, onde as raízes poderão captar os nutrientes disponibilizados pelo composto.
  • Aplique uma camada de 10cm no solo e permita que os organismos como as minhocas realizem a mistura com o solo já existente.

Deixe um comentário

Shopify secure badge Top