Conselhos de manutenção Relva Artificial

Para garantir um desempenho adequado e uma superfície ideal, a nossa relva artificial necessita de cuidados mínimos e de uma manutenção periódica.

A manutenção não é um luxo, mas sim uma necessidade para que possa desfrutar de uma relva artificial  em perfeito estado e por mais tempo. A indicação abaixo tem por objetivo apoiá-lo na manutenção do relvado e maximizar a vida útil do mesmo.

  • ESCOVAGEM: 

 É necessário escovar as fibras sintéticas com uma escova com cerdas de plástico uma vez por semana para as manter direitas e retirar facilmente folhas e outros resíduos da superfície.
Dependendo da intensidade das atividades sobre a relva artficial, será necessário escovar com maior ou menor frequência.

 

    Relva-artificial-escovagem

     

    • REGA:

     Habitualmente deposita-se pó sobre a relva artificial, assim é aconselhável lavar com uma mangueira durante alguns minutos. Além disso, a rega ajuda a manter a temperatura adequada em toda a relva artificial. Dessa forma, a relva artificial ficará sempre fresca, brilhante e com toda a sua cor.

     

    relva-artificial-rega

     

    • DETERGENTE ENZIMÁTICO REALSMELL:
     A acumulação de bactérias normalmente não constitui um problema com a relva artificial que são limpas com frequência. Se achar necessário pode utilizar o detergente enzimático para eliminar a acumulação de esporas das bactérias. Além disso, e graças ao seu triplo efeito, limpa a superfície, dissipa a carga estática e dá um cheiro a relva natural acabada de cortar.
    No caso de ter um animal de estimação que urine com alguma frequência, em áreas pequenas, pode utilizar o nosso detergente enzimático num frasco pulverizador. Em áreas maiores, ou se pretender tratar toda a relva artificial, pode utilizar um acessório para a mangueira do jardim.
     
    Para uma pulverização manual, agite o produto e aplique-o diretamente sobre a superfície. Deixe-o atuar e escove a superfície da relva artificial para que fique direita. Se quiser, pode enxaguar com água ou deixar secar.
    Para uma pulverização com mangueira, ligue a mangueira à embalagem, mantendo a circulação de água fechada. Abra a água da mangueira suavemente (pressão mínima de 3 bares) e, em seguida, abra a chave vermelha do pulverizador. Posteriormente, abra a chave preta que irá misturar automaticamente uma proporção de 2% do produto com a água. Por último, aplique sobre a relva na posição vertical. Escove e deixe secar.
    NOTA: 1 embalagem de 750 ml com difusor para ligação à mangueira (mistura cerca de 2% com água) limpa uma área de até 400 m².
    relva-artificial-como-limpar
     
    • REMOÇÃO DE NÓDOAS:

    Tal como no nosso vestuário, é aconselhável agir rapidamente para a remoção de nódoas na relva artificial. Visto que as nódoas acabadas de fazer são mais fáceis de remover do que quando secas.

    Remova qualquer sólido com a ajuda de uma espátula de plástico. Seque o excesso de líquido com papel ou com um pano absorvente, que possam ser facilmente removidos.

    Determinadas nódoas podem ser removidas com o detergente enzimático REALSMELL

    • café, chá, sumo, cacau, aguarelas, leite, gelado, ketchup, corantes alimentares, mostarda, margarina, manteiga, cerveja e coca-cola.

     As nódoas removíveis com detergentes que incluem químicos como fluidos de limpeza a seco de pH neutro são: asfalto, tinta de caneta esferográfica, betume, óleo de cozinha, batom, cera para pavimentos, óleo bronzeador, óleo de motor e pastilhas elásticas. Estes apenas devem ser aplicados esfregando a superfície com um pano impregnado, de modo a minimizar os possíveis danos na sub-base. Estes detergentes devem ser aplicados com moderação, utilizando um pano húmido e tendo cuidado para evitar que penetrem na relva artificial.

     As pastilhas elásticas podem ser removidas com o nosso detergente enzimático REALSMELL ou por congelação. É possível utilizar aerossóis ou refrigerantes de limpeza de pavimentos para o efeito. Ao utilizar estes produtos, é necessário assegurar o cumprimento rigoroso das instruções de utilização.

    Para limpar resíduos de animais, utilize o detergente enzimático REALSMELL: agite o produto e pulverize diretamente sobre a superfície. Deixe atuar alguns minutos e esfregue com a escova no sentido oposto para ajudar a relva artificial a ficar direita. O REALSMELL tem uma ação dupla, limpa e elimina os maus odores, decompõe a matéria orgânica através das enzimas bacterianas que contém. Após a sua aplicação, a relva artificial fica com um cheiro agradável a relva natural acabada de cortar.

     

    relva-artificial-instalação

     

    • CLIMA ADVERSO:

    A relva artificial congela a temperaturas inferiores a -5 ºC. Não é aconselhável utilizar a superfície nessas condições.

    Se a sua utilização for inevitável, é possível aplicar sal seco vaporizado. A dose de aplicação é de de 0,15 kg/m2 aproximadamente.

    Em circunstância alguma deve ser aplicada pedra de sal.

    No caso de uma forte queda de neve, esta deve ser removida com pás de madeira, evitando a todo o custo a utilização de pás de metais afiados ou plástico sob pena de danificar a relva artificial.

     

    relva-artificial-instalação


    • DRENAGEM:

    Caso seja necessário intensificar a drenagem, na relva artificial, utilize um rolo de esponja, embora esta situação seja algo bastante improvável numa instalação porosa.

    O sistema de drenagem, rede de tubagens, caixas e coletores, devem ser verificados e limpos sempre que necessário.

     

    relva-artificial-drenagem


    • ERVAS DANINHAS:

    O controle de ervas daninhas, na instalação de relva artificial,  é necessário para garantir que nenhuma vegetação se acumule na superfície do relvado. Utilize produtos à base de água para este controle. Após a erradicação das ervas daninhas, é igualmente necessário assegurar a remoção da matéria morta (incluindo raízes).

    Musgo e algas requerem um tratamento especializado, que inclui a utilização de certas técnicas e produtos químicos para eliminar resíduos. Se esse problema ocorrer, entre em contacto com a empresa responsável pela instalação.

     

    relva-artificial-ervas-daninhas

     

    • REPARAÇÕES:

    Podem ocorrer pequenos danos decorrentes da utilização intensiva da relva artificial. Estes devem ser reparados rapidamente para não causarem outros danos maiores.

    A instalação deve ser submetida a uma inspeção geral duas vezes por ano.

    Todas as juntas devem ser inspecionadas e as zonas frágeis apontadas. As reparações são mais fáceis de realizar em condições de clima quente e seco, uma vez que os adesivos têm uma melhor aderência e consolidam mais rapidamente.

    Não utilize adesivos com o pavimento molhado.

     

    relva-artificial-reparações

     

    • RESTRIÇÕES:

    A relva artificial é atacada por solventes, ácidos e, em geral, derivados de petróleo, pelo que deverá evitar derrames desses produtos sob o seu relvado.

    Embora não propague as chamas; os cigarros, fósforos e qualquer elemento de chama ou calor excessivo, faíscas, danificam a relva. Em caso de queimaduras, informe o instalador para a sua reparação imediata, substituindo a parte afetada por uma nova.

    Evitar o trânsito de veículos com peso superior a 1.000 kg., e não utilizar veículos com pneus com cravos ou correntes.

    O lixo e lama afeta o comportamento da superfície da relva artificial.

    Os custos de limpeza são elevados, por isso é aconselhável acompanhar e respeitar estas restrições para a relva artificial.

     

    relva-artificial-cuidados-a-ter

     

    Shopify secure badge Top